Dia Internacional de Museus

Realizado desde 1977, o Dia Internacional dos Museus (em inglês, International Museum Day) ocorre sempre em 18 de maio. Várias instituições pelo mundo preparam programação especial para a ocasião, com atividades para adultos e crianças. Em 2015, a participação no evento ultrapassou o total de 35.000 museus em cerca de 145 países.

As instituições costumam liberar a entrada gratuitamente nesse dia, caso das espanholas, ou dão desconto no ingresso. Em Portugal, 79 museus, monumentos e palácios administrados pela Direção Geral do Patrimônio Cultural (DGPC) têm entrada gratuita e programação especial para 18 de maio. Quem vai ao Asian Art Museum de São Francisco, nos Estados Unidos, paga 20% menos nesse dia para ver o acervo de cerca de 18.000 peças, entre pinturas, cerâmicas e esculturas asiáticas.

Em alguns museus, a programação especial é realizada em outras datas de maio ou às vezes estendida a mais dias. O Brasil faz sua 14ª Semana Nacional de Museus, de 16 a 22 de maio. Na Europa, muitas atividades se concentram na Noite Europeia dos Museus, em 2016 marcada para sábado 21 de maio — leia sobre o evento noturno.

O Dia Internacional de Museus é uma iniciativa do Conselho Internacional de Museus (em inglês, International Council of Museums – Icom), que reúne atualmente 35.000 museus de 135 países. A entidade foi criada em 1946 com o compromisso de “promover e proteger a herança natural e cultural, presente e futura, tangível e intangível”, segundo a explicação oficial.

O tema

Todo ano um assunto é proposto para discutir a importância dos museus na sociedade. Em 2016, é Museus e Paisagens Culturais, mesmo tema discutido durante a Conferência Geral do Conselho Internacional de Museus, em Milão, na Itália, entre 3 e 9 de julho de 2016.

Dia Internacional dos Museus - Banner - Conselho Internacional de Museus DivulgacaoNatureza e história combinados compõem uma paisagem cultural, constantemente transformada pela ação do tempo e do homem. Segundo o Icom, cabe às pessoas e às comunidades, e também aos museus, cuidar dessa paisagem cultural e fortalecê-la. Para a entidade, o papel do museu vem passando por transformações: não apenas conservar e exibir sua coleção, mas pesquisar e divulgar conhecimento sobre o lugar onde a instituição está inserida e estimular a comunidade local a olhar sua paisagem cultural de outro modo, para proteger sua identidade.

VALE SABER

Site: imd.icom.museum — na página é possível fazer uma busca interativa, filtrada por museus, exposições, eventos ou programas educacionais

Para a programação especificamente de Portugal, acesse o site da DGPC

DEIXE SEU COMENTÁRIO