Passeio de 1 dia em Ilhabela, entre a praia e o centro

Ilhabela, São Paulo- Nathalia Molina comoviaja.com.br (9)

Texto e fotos de Nathalia Molina

Eu já tinha ido a Ilhabela umas 2 outras vezes, mas nunca tinha dado a sorte de pegar 1 dia inteiro de sol. Por isso, fiquei bem animada ao ver o tempo bom antes de desembarcar na escala do Ibero Grand Mistral, no litoral paulista. Eu fiz um roteiro de 3 noites a convite da Ibero Cruzeiros, com saída de Santos e paradas em Ilhabela (SP) e Ilha Grande (RJ) — leia em minicruzeiro no Grand Mistral.

Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha, Artesanato- Nathalia Molina comoviaja.com.br (3)Caminhei pelo píer e parei para apreciar o visual da ilha. Depois andei pelo centrinho, antes de decidir que passeio faria em Ilhabela. Entrei em lojinhas de artesanato da vila, comprei uma garrafinha de água para aplacar o calor e voltei ao ponto onde as agências locais se concentram em busca dos viajantes de cruzeiros. Durante a temporada, há uma tenda onde elas estão reunidas, bem na área de desembarque dos navios. Lá os transatlânticos ficam atracados e os passageiros chegam à cidade em barquinhos dos navios.

Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha- Nathalia Molina comoviaja.com.br (5)Ilhabela, São Paulo- Nathalia Molina comoviaja.com.br (22)Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha- Nathalia Molina comoviaja.com.br (9)

Ilhabela, São Paulo, Terminal de Passeios- Nathalia Molina comoviaja.com.br (3)O preço dos passeios, pelo que pesquisei, é meio tabelado. Muda apenas de acordo com o roteiro e com o meio de transporte – em veículo 4 x 4 é mais caro do que em van (que depende de um número maior para sair). Eu queria mesmo era ir até a Praia de Castelhanos, do outro lado da ilha, mas os funcionários das agências que ali estavam me informaram que não fazem esse passeio com turistas de cruzeiros para não correr risco de não conseguir voltar – para chegar lá é preciso atravessar o Parque Estadual de Ilhabela, com estradas indicadas para veículos 4 x 4.

Ilhabela, São Paulo- Nathalia Molina comoviaja.com.br (49)Após minha pesquisa de preços, quando me aproximei de novo do balcão, a funcionária me avisou que eu poderia aproveitar um grupo que estava saindo. Paguei os 45 reais e subi na caminhonete adaptada. Partimos para o sul da ilha, para a Praia do Curral. No caminho, o motorista parou no mirante em frente à Ilha das Cabras.

Um detalhe: o grupo que estava comigo tinha de embarcar até o meio da tarde porque o navio deles zarpava antes do meu. Com isso, combinaram com o motorista apenas 1 hora para ficarmos na praia. Ou seja, vai aqui uma dica: não conte com a prestatividade alheia, sempre pergunte antes se o grupo a que você vai se juntar tem hora marcada para voltar porque a empresa pode não te avisar isso antes de você comprar o passeio.

Ilhabela, São Paulo, Praia do Curral- Nathalia Molina comoviaja.com.br (3)

Tratei de aproveitar, então, a minha hora na Praia do Curral. O motorista tinha indicado o Restaurante Baleia Azul. Dei uma olhada no cardápio, mas segui caminhando pela praia para reconhecer o terreno e também para checar os preços em outros restaurantes. Infelizmente nem sempre as indicações são norteadas pela qualidade – muitas vezes, no Brasil vale só a comissão…

Ilhabela, São Paulo, Praia do Curral, Camarão, Restaurante Baleia Azul- Nathalia Molina comoviaja.com.br (4)Desta vez, foi pela qualidade mesmo. O Baleia Azul tinha os melhores preços entre os lugares por onde passei e, como pude comprovar depois, um camarão empanado delicioso.

Ilhabela, São Paulo, Praia do Curral, Camarão, Restaurante Baleia Azul- Nathalia Molina comoviaja.com.br (44)Eu estava sozinha, mas não quis nem saber! Pedi uma garrafa de cerveja (8 reais), que veio beeem gelada (e olha que eu sou exigente quanto à temperatura de cerveja). Também pedi uma porção de camarão empanado (40 reais) para acompanhar. Comi inteirinha, e essas fotos me fazem lembrar que hora gostosa foi aquela na Praia do Curral. Com mergulhos para refrescar, entre um gole e outro camarão. Como a vida pode ser boa, né?

Ilhabela, São Paulo, Praia do Curral- Nathalia Molina comoviaja.com.br (2)

Ilhabela, São Paulo- Nathalia Molina comoviaja.com.br (46)Dali, voltamos à caminhonete para seguir até a Cachoeira dos Três Tombos. Foi decepcionante porque as pessoas desciam a escadinha, viam o pocinho e voltavam. O grupo com que eu estava não fez diferente. Ainda tentei tomar banho, mas estava bem seco o poço. Pelo que li na internet depois, a cachoeira até é bacana, mas tem de caminhar até os outros 2 tombos (avisam que as pedras são escorregadias). Pode até ser, mas não me animo a voltar lá não. Na próxima vez em Ilhabela, vou à Cachoeira da Toca ou do Gato (neste caso, preciso ir primeiro até Castelhanos).

Saldo do passeio: valeu pela 1 hora no Curral. Considerando que paguei 45 reais basicamente para ir e voltar da praia, talvez tivesse sido mais vantajoso pagar um táxi? Pelo menos, eu poderia ficar quanto tempo quisesse. Se alguém já fez isso e sabe quanto custa a corrida de táxi do centro à Praia do Curral, por favor deixe o valor nos comentários.

Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha- Nathalia Molina comoviaja.com.br (3)

Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha- Nathalia Molina comoviaja.com.br (10)De volta ao centro, segui olhando artesanato e comprei uns presentinhos no Espaço do Artesão. O bacana de lá é que os artesãos estão ali representados nas prateleiras, com diversos trabalhos. Além de prestigiar o trabalho do artista local, ainda dá para economizar nas lembrancinhas. É possível achar vários itens por até 20 reais. E tem de tudo por lá: brinquedo educativo, caneca, abajur, boneca, barquinho, porta-retrato, descanso de prato…

Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha, Artesanato- Nathalia Molina comoviaja.com.br (5)Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha, Artesanato- Nathalia Molina comoviaja.com.br (8)Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha, Artesanato- Nathalia Molina comoviaja.com.br (7)Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha, Artesanato- Nathalia Molina comoviaja.com.br (9)

Ilhabela, São Paulo, Centro da Ilha, Artesanato- Nathalia Molina comoviaja.com.br (4)

Adorei meu passeio em Ilhabela. Deixou um gostinho com vontade de voltar.

6 Comments

  1. Zilmar

    excelente, com certeza vou conhecer esse lugar com a minha esposa, gostaria de saber o valor das pousadas, me indica a mais barata, grato! Zilmar matos

    • Olá, Zilmar, vocês vão adorar Ilhabela!
      O valor da diária varia muito de acordo com a categoria da pousada e com a época do ano (nas férias e em feriados sobe bem).
      Para escolher a pousada, o ideal é você buscar em sites de reserva de hotel e ver a opinião dos viajantes. Aqui no blog eu participo do programa de fidelidade do Booking, sistema de reserva de reservas que eu uso para as minhas viagens também. Dá uma olhada: http://www.booking.com/index.html?aid=357116.
      Obrigada pela visita e pelo comentário, volte sempre!

  2. dora

    Oi Nathalia, só agora vi seu tão gentil comentário sobre meu restaurante Baleia Azul, lembro de vc .Venha mais vzs visitar nossa Ilhabela. Bjs Dora

DEIXE SEU COMENTÁRIO