9 museus de chocolate na Europa

A história do chocolate e degustações são parte do passeio por museus da Europa, em Paris, Berlim, Barcelona, Bruges, Viena e Praga. Conheça 9 opções para visitar e fazer doces comprinhas

ATUALIZADO EM 3 DE ABRIL DE 2017

Como maiores consumidores de chocolate do mundo, os europeus organizam vários eventos temáticos durante o ano — leia sobre 9 festivais de chocolate na Europa. Impressiona também a quantidade de museus voltados para o consumo (intelectual e orgânico) do chocolate.

Com ligeiras alterações, essa sequência de fatos é contada praticamente do mesmo jeito em todos os museus, da Alemanha à Suiça, passando pela Bélgica, pela Espanha e pela Inglaterra. Por essa razão, a criatividade é fundamental na hora de seduzir o visitante — se for para pegá-lo, que seja pela boca!

A seguir uma pequena lista de museus que compartilham história, receitas e brincadeiras com adultos e crianças, e onde o salgado pode, no máximo, ficar por conta do preço da entrada.

 

1, 2, 3 >> CHOCO-STORY (FRANÇA, BÉLGICA E REPÚBLICA TCHECA)

Chocolate, Museu, Europa, Choco-Story, Bruges - Foto Divulgacao
CHOCO-STORY, EM BRUGES – Fotos: Divulgação

A marca Choco-Story tem 3 museus no continente europeu: em Paris, em Bruges e em Praga. Mas na capital francesa o lugar leva o nome de Le Musée Gourmand du Chocolat. Em todas, o acervo mostra o chocolate da origem do cacau às receitas que fazem todos salivar. Na unidade de Bruges, instalada num edifício do século 15, as crianças recebem uma missão: quem completa oito tarefas ganha um prêmio no fim da visita.

VALE SABER

Funcionamento: Diariamente — Paris: das 10 às 18 horas (entrada até as 17 horas); Bruges: das 10 às 17 horas (tickets à venda até as 16h45); Praga: atualmente, das 9h30 às 19 horas, mas o horário de funcionamento muda cerca de 4 vezes por ano (geralmente antes e depois do Natal e do verão)

Preço: Paris: 11 euros — crianças de 6 a 12 anos, 8 euros; Bruges: 8 euros — crianças de 6 a 11 anos, 5 euros; Praga: 270 coroas tchecas — de 6 a 15 anos, 199 coroas tchecas

Sites: museeduchocolat.frchoco-story.bechoco-story-praha.cz

Chocolate, Bélgica, Bruges, Museu Choco-Story - Foto Divulgacao

4 >> SCHOKOMUSEUM (ÁUSTRIA)

Em Viena, o visitante é apresentado à história do cacau, vê um antigo maquinário usado na fabricação de chocolate e pode provar especialidades saídas diretamente da linha de produção. Isso porque o museu oferece visitas guiadas (em inglês, terça e quinta, às 13 horas)

VALE SABER

Funcionamento: De segunda a sábado, das 9 às 16 horas — domingo, a partir das 10 horas

Preço: 6 euros — crianças entre 5 e 10 anos, 5 euros

Site: schokomuseum.at

 

5 >> CADBURY WORLD (INGLATERRA)

Inaugurado há 25 anos, o museu da empresa inglesa de confeitos não possui tour guiado e as visitas precisam ser agendadas. As salas são interativas e há uma sessão de cinema 4D. Para alegria da criançada, a rua onde John Cadbury abriu sua primeira loja, em 1824, foi reproduzida em detalhes no museu.

VALE SABER

Funcionamento: Varia conforme o período do ano. Veja o calendário disponível no site, no link Plan Your Visit / Opening Times. O museu está sempre aberto das 10 às 14 horas, mas em alguns dias pode abrir às 9 horas e fechar às 16h30

Preço: 16,75 libras — 12,30 libras para crianças de 4 até 15 anos; ingresso familiar (2 adultos e 2 crianças) custa 49,96 libras; (2 adultos e 3 crianças, 59,95 libras)

Site: cadburyworld.co.uk

Foto Visit Britain/Divulgação
Foto: Visit Britain/Divulgação

6 >> BELGIAN CHOCOLATE VILLAGE (BÉLGICA)

Com 900 metros quadrados de área, o centro do museu abriga uma estufa que recria a atmosfera onde estão árvores de cacau, bananeiras e outras espécies tropicais. Há áudio guia disponível em 7 línguas, com versões para adultos e crianças.

VALE SABER

Funcionamento: De terça a sexta, das 9 às 18 horas (entrada até as 17 horas) — sábado, domingo e feriado, abre 1 hora mais tarde

Preço: 8 euros — entre 6 e 18 anos, 5 euros; família (2 adultos e 2 crianças), 20 euros

Site: belgianchocolatevillage.be/en/

 

7 >> MUSEU DE LA XOCOLATA (ESPANHA)

Chocolate, Barcelona, Museu de la Xocolata - Foto Museu de la Xocolata. Divulgacao
Foto: Museu de la Xocolata/Divulgação

Instalado na construção onde ficava o antigo Convento de Santo Agostinho, de Barcelona, este museu relata como o chocolate chegou à Europa e o papel social e econômico que ele desempenhou na Catalunha. Ao mesmo tempo lúdico e didático, o espaço oferece aos visitantes atividades divididas por faixa etária.

VALE SABER

Funcionamento: De segunda a sábado, das 10 às 19 horas (de 15 de junho a 15 de setembro, fecha 1 hora mais tarde) — domingos e feriados, sempre funciona das 10 às 15 horas

Preço: 6 euros — crianças até 7 anos, grátis

Site: museuxocolata.cat/

Barcelona, Museu do Chocolate, Espanha - Foto Javier Miguélez Bessons, Divulgacao
Foto: Javier Miguélez Bessons/Divulgação

 

8 >> MAISON CAILLER (SUÍÇA)

Uma experiência interativa reúne passado e presente do cacau neste museu, que explora os sentidos dos visitantes e compartilha com eles seu conhecimento da arte de produzir o típico chocolate suíço. Há workshops voltados para crianças, adultos e famílias. Fica na cidade de Broc, acessível por trem partir de Montreux.

VALE SABER

Funcionamento: Diariamente, das 10 às 17 horas (de novembro a março, até 16 horas)

Preço: 12 francos suíços — crianças de até 16 anos, acompanhadas por um adulto, grátis

Site: cailler.ch

 

9 >> RITTER-SPORT (ALEMANHA)

O grande barato de visitar este espaço em Berlim é bolar uma mistura de ingredientes ao chocolate e ter sua receita preparada por um chocolatier — dá para degustar a alquimia ali, na hora, ou presentear alguém. Nos 3 andares do prédio funcionam loja, exposição permanente e espaço com oficinas de chocolate para crianças. Há também um museu da Ritter em Waldenbuch, onde a fábrica surgiu — fica a meia-hora de carro do centro de Stuttgart.

VALE SABER

Funcionamento: Segunda a quarta, das 10 às 19 horas — quinta a sábado, até as 20 horas; domingo, até as 18 horas

Preço: 9 euros

Site: ritter-sport.de

DEIXE SEU COMENTÁRIO