No Brasil, a Semana Nacional dos Museus

Fotos: Nathalia Molina @ComoViaja
MUSEU DO AMANHÃ, NO RIO – Fotos: Nathalia Molina @ComoViaja

A celebração do Dia Internacional dos Museus, comemorado em 18 de maio, não se restringe a uma data no Brasil. Por aqui, é realizada a Semana Nacional de Museus, que em 2016 chega à sua 14ª edição. Visitas guiadas, palestras e oficinas estão entre as 3.700 atividades disponíveis aos visitantes nos 1.236 museus participantes no país.

No Museu Nacional de Belas Artes, no Rio, há visita mediada ao ciclo de exposições Missão Artística Francesa: Tradição e Modernidade (17 de maio, das 14 horas às 17h30) e visita comentada à exibição de arte religiosa (20 de maio, das 14h30 às 16h30).

Os visitantes do novíssimo Museu do Amanhã são convidados a descobrir paisagens culturais no entorno da instituição (atividade até 22 de maio, entre 15h30 e 18 horas) — nós visitamos o museu e contamos aqui o que você não pode deixar de ver.

Já a Pinacoteca de São Paulo organiza ações educativas, como visita à exposição temporária Paisagem nas Américas: Pinturas da Terra do Fogo ao Ártico (até 21 de maio, das 16h30 às 17h45) e um jogo para famílias conhecerem o acervo enquanto brincam (21 e 22 de maio, entre 11 e 15 horas).

 

 

 

 

 

Sociedade e cidadania

A 14ª Semana Nacional de Museus segue o tema proposto pelo Conselho Internacional de Museus (em inglês, International Council of Museums – Icom) para o Dia Internacional dos Museus e para a 24ª Conferência Geral do Icom, realizada em Milão, na Itália, em julho. O objetivo aqui é valorizar a diversidade de culturas e paisagens encontradas no Brasil e compreender a relação da população com esse entorno. Os museus teriam aí “papel estratégico no desenvolvimento local, na construção da cidadania”, conforme explica texto divulgado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) e pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

A Casa das Rosas discute em São Paulo, por exemplo, como os museus estão se preparando para receber as novas gerações (19 de maio, às 19h30). O debate entre os núcleos educativos da própria Casa das Rosas, da Casa Guilherme de Almeida e do Museu de Arte Sacra tem como público-alvo educadores de museu e não-formais.

VALE SABER

Quando: Em 2016, até 22 de maio

Site: guiadaprogramacao.museus.gov.br — tem a programação completa com os museus participantes. A pesquisa é feita selecionando estado, cidade e nome da instituição

DEIXE SEU COMENTÁRIO