Canadá: como é a rotina na viagem de trem a bordo do The Canadian

Canadá, Trem The Canadian, de Toronto a Vancouver - Nathalia Molina @ComoViaja (188)
Fotos: Nathalia Molina @ComoViaja

Com conforto, mas sem luxo, vagões de aço aguçam o imaginário dos românticos, ávidos pelo frisson da época áurea das ferrovias. Carros panorâmicos — um lounge na parte baixa e, em cima, poltronas cercadas por janelas — garantem drinques, café, lanches e uma vista privilegiada para o cenário ao redor. No trem há ainda uma área dedicada à diversão, com televisão e jogos de tabuleiro. Cada vagão de acomodações tem um chuveiro coletivo. As cabines duplas e triplas dispõem de pia e banheiro (sem ducha) privativos. O espaço é pequeno, suficiente para uma malinha por pessoa. A bagagem grande é despachada diretamente para Vancouver.

Canadá, Trem The Canadian, de Toronto a Vancouver - Nathalia Molina @ComoViaja (22)Dormir cedo é quase certo. Às 23 horas, o trem está deserto. Todos se recolhem por volta das 22 horas, após muita atividade à luz do sol, quando a paisagem se revela. Para os passageiros de classe turística (com cama), o dia começa no vagão-restaurante. Lá são servidas as três refeições; quem viaja de classe econômica (só com assentos) pode comprar lanches no seu setor. Em geral, o despertar é por volta das 6 horas. Você pode dormir até tarde, o difícil vai ser querer. Tentação irresistível é deixar a cortina aberta para ver o amanhecer.

No café, como ocorre nas outras refeições, o viajante não escolhe onde se sentar. É levado até uma mesa onde haja lugar. A essência do trem está aí: interagir com outros passageiros, descobrir o que os levou até ali, conhecer as histórias que esconde aquela viagem.

Reserve seu hotel no Canadá pelo Booking


*

Este texto foi publicado no caderno Viagem do jornal Estado de S.Paulo, dentro da reportagem de capa com o título Epopeia Canadense (edição de outubro de 2010).

Os outros textos dessa reportagem são: Canadá: a viagem de trem de Toronto a Vancouver, Diversos roteiros de trem pelo país, Vancouver: roteiro na cidade, Toronto e Montréal: as duas grandes, Toronto e Montréal: Museu do Hóquei e Parque Olímpico, Québec: roteiro na cidade

DEIXE SEU COMENTÁRIO